Faça login no Portal Assistência Remota
NOV'2018
Vale a pena as entidades do terceiro setor apostarem em software específico?

O software de gestão integrada tem como objetivo principal unir e disponibilizar informações de forma consistente para toda a instituição, integrando os processos administrativos, financeiros, contabilísticos, de Recursos Humanos, etc..
 
Um software de gestão integrada e específico para o setor, será uma mais-valia para garantir a conformidade com as necessidades e diretrizes da organização, representa uma importante fonte de informação, integração de dados e automatização dos processos de análise permitindo um conhecimento mais profundo e real do estado da organização. 
 
Gerir uma entidade do terceiro setor é um desafio complexo. 
 
A complementaridade de módulos (contabilidade, património, recursos humanos, registos de atividades diárias, compras, vendas, etc..) é fundamental para o aumento da informação e das variáveis de análise que sustentarão de forma mais efetiva as decisões estratégicas. 
 
De entre os inúmeros benefícios da implementação de um software específico para o setor social destacam-se: 
 
. Eliminação da manutenção de múltiplos sistemas;
. Padronização de procedimentos;
. Redução de custos de formação;
. Interação com um único fornecedor.
. Redução do retrabalho e inconsistências;
. Redução de custos relacionado com os processos de integração de dados;
. Maior controle sobre a operação da instituição;
. Eliminação de interfaces entre sistemas isolados;
. Melhoria na qualidade da informação; 
. Contribuição para a gestão integrada;
. Otimização global dos processos da entidade;
. Redução de custos de informática;
. Foco na atividade principal da organização;
. Padronização de informações e conceitos;
. Eliminação de discrepâncias entre informações de diferentes departamentos;
. Melhoria na qualidade da informação;
. Acesso a informações para toda a instituição;
. Software mais adaptado às necessidades.
 
Em conclusão, quando uma organização aposta em software específico e numa implementação de acordo com os seus objetivos terá, com certeza, uma excelente ferramenta de apoio à decisão, um enorme suporte a todos os processos dessa mesma organização e que responderá a todas as questões legais e fiscais deste setor.
 
Filipe Pinto | Business Diretor
Área da Economia Social F3M


Conheça as soluções tecnológicas F3M para o setor da Economia Social.


Voltar